Porquê usar Fluxogramas?

O primeiro ano da investigação culminou na redacção do Projecto de Tese, com a planificação das tarefas de investigação necessárias para atingir os objectivos propostos. Para além de constituir um importante “procedimento burocrático” o plano deverá revelar-se útil para evitar que os anos seguintes sejam tão desorientados como o primeiro e se convertam na concretização de resultados.

Mesmo quando as ideias parecem estar claras, e depois de redigir milhares de palavras na tentativa de expor conceitos complexos, frequentemente estes continuam a não ser facilmente apreensíveis para terceiros. No meu caso, os fluxogramas revelaram-se não só úteis, mas mesmo essenciais, para tornar as intenções desta investigação mais claras, transmitindo-as de forma gráfica e (relativamente) simples.

Mas mais do que melhorar a comunicação com as diferentes partes, esta ferramenta revelou-se surpreendentemente útil internamente, para organizar informação e estabelecer os limites da investigação. O fluxograma constitui um mapa que permite relacionar acções, dados, decisões e temas de investigação, de forma mais eficaz do que uma lista de tarefas ou um diagrama de Gantt.

Entre outras vantagens, destaco as seguintes:

1. comunicação

Facilita a comunicação entre as partes, através da visualização gráfica de procedimentos complexos no tempo. Uma imagem vale mais do que mil palavras….

2. organização

Permite visualizar num mapa os procedimentos necessários: organiza a sequência de tarefas passo-a-passo e identifica os dados necessários para prosseguir para as fases seguintes. Além disso, torna evidente a relação entre as acções e os resultados, entre a fase de desenvolvimento e a experiência do utilizador final.

3. optimização

Este ponto está directamente relacionado com o anterior. Ao tornar o processo mais visível, permite compreender fragilidades e temas mais problemáticas ou que precisam de aprofundamento. Garante que o trabalho permanece focado ao evidenciar se as acções previstas são realmente essenciais para o resultado final ou se constituem caminhos sem saída e redundâncias.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.